sexta-feira, 8 de maio de 2015

Tarifa Social: Adustina diminui de 1.158 cadastros desatualizados para 245

 
Conforme matéria publicada pelo “Blog do Joilson Costa”, cerca de 288 mil consumidores na Bahia podem perder o desconto da Tarifa Social de Energia no mês de maio. Famílias que possuírem cadastro da Tarifa Social desatualizado no Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) há mais de dois anos perdem o desconto.  A regra é uma das estabelecidas pela ANEEL para a retirada do benefício que dá descontos de até 65% na conta de energia e as consequências desta regra envolvem famílias de todo país que possuírem o cadastro desatualizado. O blog divulgou a relação de cidades da região e o número de consumidores que estão com o cadastro desatualizados. Na relação, a cidade de Adustina possui 245 famílias com cadastros pendentes, que ainda não procuraram a Secretaria de Assistência Social. 
O site de notícias do Rodrygo Ferraz e o portal da ADSA (Associação Desportiva Social de Adustina) procuraram a Secretaria Municipal da Assistência Social de Adustina para falar do processo de cadastramento para os beneficiários do programa Tarifa Social de Energia.
Segundo o Coordenador do Cadastro Único do Município, Elton Pinho, o prazo para recadastramento do benefício deve acontecer em um período de 2 anos. Os beneficiários da Tarifa Social que estão com os cadastros desatualizados há mais de 2 anos, devem procurar a Secretaria Municipal de Assistência Social, na Rua João Correia Neto, para a atualização cadastral.
 
 
“Estive reunido recentemente com o Gestor de atendimento da Coelba de Ribeira do Pombal, Carlos Alberto Silva de Oliveira e em nossa reunião, nos foi passado uma lista de 1.158 beneficiários que estava com os cadastros desatualizados, onde na ocasião me pediu que fizesse a localização e que orienta-se essas pessoas a procurar a Secretaria para a realização da atualização cadastral. A Prefeitura Municipal de Adustina, por meio da Secretaria de Assistência Social não mediu esforços para a localização dessas famílias. Graças ao trabalho da nossa equipe, conseguimos diminuir satisfatoriamente o índice que era de 1.158 para 245 beneficiários. Conversei na manhã desta quinta-feira (07), por telefone, com o Gestor Carlos, ocasião em que nos parabenizou por conseguir diminuir com sucesso o alto índice de cadastros desatualizados” – declarou Elton.

0 comentários:

Postar um comentário