terça-feira, 1 de dezembro de 2015

Mais médicos:Adustina acolheu mais um médicos cubanos que vai trabalhar no PSF,Bom, Jesus..

Vinda dos profissionais faz parte do segundo ciclo do Programa Mais Médicos


O município de Adustina recebeu, na ultima sexta-feira 29 de novembro, um médicos cubanos do Programa Mais Médicos, do governo federal. A chegada do profissional estrangeiro faz parte do 2º ciclo do programa, em que a vinda dos médicos ao Brasil é parte de um acordo entre o Ministério da Saúde e a Organização Pan-Americana de Saúde (Opas). Com isso, a Prefeitura de Adustina amplia o atendimento à atenção básica.
Hoje(01)o médico Cubano, Candelario, e toda sua equipe começaram o atendimento no povoado Riacho.
Além do Programa Mais Médicos, a prefeitura investe na contração de novos médicos. Desde que assumiu a gestão em 2013, o atual governo contratou (4)equipes de PSF,e  novos profissionais de saúde, dentre eles. Além disso,  melhorando as condições de trabalho dos profissionais e o atendimento à comunidade. A participação da prefeitura no Programa Mais Médicos reforça ainda mais esse comprometimento com uma das principais demandas da população de Adustina ,  na sede e na zona rural.
A expectativa do município foi trazer pelo Programa Mais Médicos (03)três médicos. "A grande contribuição dos médicos cubanos é com uma mudança de mentalidade", é o que afirmou o secretário municipal de Saúde, Rodrigo ferreira. "Eles cumprirão um papel ímpar, dado o alto grau de comprometimento, alicerçado as ações humanitárias internacionais que faz parte da história destes profissionais", frisou.

O secretário reforçou ainda que os médicos atuarão somente nas Unidades Básicas de Saúde (UBS´s), conforme diretrizes previstas pelo Programa Mais Médicos. "Este médicos não atuarão nos plantões de hospitais, a atuação deles é restrita aos trabalho de prevenção e promoção de saúde", explicou Rodrigo  Ferreira.
A coordenadora de Atenção à Saúde, Carol Nabuco, destacou a importância da chegada deste profissional para Adustina. "A medicina cubana tem sua formação focada na atenção primária. Os médicos formados lá são especialistas na saúde da comunidade", destacou. Carol,  pontuou ainda que será um intercâmbio muito rico para o sistema de saúde do município. "Este profissional vai  seguir um trabalho feito pelo o colega e médico cubano Dr. Inácio Garcia,que teve que deixar o programa por problemas pessoais.com a chegada de Dr. Candelario, que vai atender no PSF do povoado Bom Jesus,  suas experiências do sistema de saúde cubano e de suas diversas missões internacionais. Eles têm uma bagagem muito virtuosa para nos oferecer", enfatizou.
Todos os médicos que participam do Programa Mais Médicos são encaminhados para trabalhar em regiões com escassez de médicos ou de grande vulnerabilidade social. Eles cumprirão uma jornada de trabalho de 40 horas semanais. O município oferece como contrapartida auxílio com a moradia e a alimentação dos médicos do programa.
Fonte:SMS,Adustina/www.adustinaadsa.com

0 comentários:

Postar um comentário