quarta-feira, 27 de julho de 2016

Comando manda prender bombeira que tirou fotos sensuais

Comando manda prender bombeira que tirou fotos sensuais


Por Redação Bocão News | Fotos: Reprodução/Facebook
O comando do 7º Grupamento do Corpo de Bombeiros do Paraná determinou que a soldado Lilian Villas Boas, de 32 anos, seja presa por oito dias. O motivo é porque ela participou de um ensaio fotográfico em fevereiro deste ano, para um projeto do fotógrafo Arnaldo Belotto. Nas fotos sensuais, ela aparecia com parte dos seios à mostra.
 
Segundo Belotto, as fotos ficaram no site do projeto por menos de 24 horas. Desde então, Lilian começou a receber pressão dos comandantes para que as imagens fossem retiradas do ar.
 
A bombeira participou do ensaio porque algumas amigas dela também já tinham feito fotografias para o projeto de Belotto. "Já fui prestar duas vezes depoimento no quartel", diz o fotógrafo ao G1.
 
Em nota, a Polícia Militar do Paraná informou que não pode se manifestar sobre o caso, pois a bombeira ainda poderá recorrer à corporação.
 
Leia a nota da Polícia Militar na íntegra:
 
O exercício do poder disciplinar da origem e da solução final do procedimento em relação à bombeira citada se deu no âmbito do 7º Grupamento do Bombeiro, por isso o Comando do Corpo de Bombeiros e o Comando Geral da Polícia Militar do Paraná, se instados em grau de recurso farão a reavaliação sob todas as óticas, seja dos fundamentos da punição ou em relação às suas circunstâncias e dosimetria da pena.
 
Tanto o Comando do Corpo de Bombeiros quanto o Comando Geral da Polícia Militar do Paraná não podem emitir juízo de valor prévio, pois em algum momento podem ser provocados em grau de recurso.

0 comentários:

Postar um comentário