camara-federal-2016
Maioria dos deputados baianos votaram a favor da PEC.
A PEC do Teto foi aprovada na noite desta terça-feira, 25, no Congresso em segundo turno também com a maioria dos votos da bancada baiana. O deputado Félix Mendonça Júnior, presidente do PDT baiano votou contra. As surpresas foram o voto contrário de Irmão Lázaro (PSC) e a abstenção de Bebeto, do PSB, partido que permanece dividido em relação ao governo Michel Temer (PMDB).
PR, PSD e PP, partidos da base do governador Rui Costa (PT) na Bahia, também votaram em peso na proposta com que Temer acredita que começará a tirar o país do buraco. Os deputados Nelson Pelegrino (PT) e Cláudio Cajado (DEM) não compareceram para votar. Abaixo, confira o voto dos baianos:
A favor
Antonio Brito (PTB)
Antonio Imbassahy (PSDB)
Arthur Maia (SD)
Benito Gama (PTB)
Cacá Leão (PP)
Elmar Nascimento (DEM)
Erivelton Santana
Fernando Torres
João Carlos Bacelar (PR)
João Gualberto (PSDB)
José Carlos Araújo (PR)
José Carlos Aleluia (DEM)
José Nunes
José Rocha (PR)
Jutahy Magalhães Jr. (PSDB)
Lúcio Vieira Lima (PMDB)
Márcio Marinho (PRB)
Mário Negromonte Jr. (PP)
Paulo Azi (DEM)
Paulo Magalhães
Roberto Brito (PP)
Ronaldo Carletto (PP)
Sérgio Brito
Tia Eron (PRB)
Uldurico Jr.
Contra
Afonso Florence (PT)
Alice Portugal (PCdoB)
Bacelar (PTN)
Caetano (PT)
Daniel Almeida (PCdoB)
Félix Mendonça Jr. (PDT)
Irmão Lázaro (PSC)
Jorge Solla (PT)
Moema Gramacho (PT)