terça-feira, 1 de novembro de 2016

Multa por uso de celular no trânsito aumenta 244% a partir desta terça-feira

Bahia 31 de Out de 2016 • 15:23

Multa por uso de celular no trânsito aumenta 244% a partir desta terça-feira

Multa por uso de celular no trânsito aumenta 244% a partir desta terça-feira
Foto: Tácio Moreira / Metropress
Os motoristas devem ficar mais atentos às regras de trânsito a partir desta terça-feira, 1º de novembro. Isso porque as multas vão ficar mais caras. A resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que permite a atualização dos valores foi publicada no Diário Oficial da União no mês de setembro. Aquela que mais vai pesar no bolso é a de uso indevido do celular, que deixa de ser uma infração média e passa a ser considerada gravíssima, com um aumento de 244%. Antes o valor cobrado era R$ 85,13 e agora custa R$ 293,47.
O Superintendente de Trânsito de Salvador, Fabrizzio Muller, conversou com José Eduardo, na Rádio Metrópole, no dia 21 de outubro, e detalhou os novos valores. "Isso passa a refletir em todas as infrações. No caso da alcoolemia, de fato, há um valor maior porque a multa é agravada. Então, um valor de R$ 1.915, ele vai para R$ 2.800 para quem for flagrado dirigindo alcoolizado ou mesmo que se recuse a fazer o teste do bafômetro. Isso já era vigente, mas agora fica mais forte".
Muller destacou também uma informação importante, agora existe um artigo específico para aquelas manifestações que muitas vezes acontecem em via pública. "Se for reincidente em menos de 12 meses, o motorista já será cobrado em R$ 5.879.  Muita gente tem o hábito de não pagar no vencimento. Agora, as multas, elas passam após o vencimento a ter juros e correção, além de inscrever o nome do motorista no Cadin. Aquela ação de interromper, infringir, atravessar o carro na via, é considerada gravíssima e [pode tirar o direito do motorista] de dirigir por 12 meses", acrescentou.
Ainda de acordo com o superintendente, a fiscalização de motoristas que costumam utilizar o celular enquanto dirigem será mais rigorosa. "Nesse caso específico inclui a palavra manuseando. Então, se a pessoa estiver teclando, mandando uma mensagem, a autuação pode ser feita. Não existia essa palavra no código antigo, acho importante isso, porque existem estudos que mostram que o manuseio do celular se assemelha ao uso da bebida alcoólica. É importante que as pessoas respeitem esse tipo de lei", pontuou. Todas as regras podem ser conferidas no site do Departamento Estadual de Trânsito da Bahia (Detran-BA)
Confira a tabela de valores divulgada pelo Detran-BA:

0 comentários:

Postar um comentário