quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Anunciado esquema de segurança para o Carnaval

Anunciado esquema de segurança para o Carnaval

Policiais civis, militares e câmeras de monitoramento estarão espalhados em vários pontos da cidade
Foto: Max Haack/Agecom
Mais de 25 mil profissionais, 250 câmeras, dezenas de postos espalhados pelos circuitos da folia e um moderno Centro de Operações. Estes foram alguns dos dados apresentados pela Secretaria de Segurança Pública do Estado (SSP), nesta terça-feira (21), durante o evento de divulgação do planejamento de segurança para o Carnaval 2017. A apresentação foi realizada no Hotel Fiesta, em Salvador, com a participação do governador Rui Costa.
 Para Rui, o investimento de mais de R$ 43 milhões somente em segurança vai permitir que baianos e turistas se divirtam com tranquilidade. “Temos uma polícia que é conhecida em todo o País pela experiência técnica na atuação em grandes eventos. Este ano, com apoio da tecnologia, o planejamento ganha um reforço importante, tanto no monitoramento quanto no patrulhamento nos circuitos e em outros pontos da cidade. O objetivo é propiciar aos foliões um Carnaval de paz e de muita alegria”, disse o governador.
Neste ano, a operação terá o apoio do Centro de Operações e Inteligência de Segurança Pública 2 de julho. A estrutura da SSP, que foi inaugurada em julho de 2016, reúne todas as forças de segurança do Estado e se destaca pela modernidade dos equipamentos. Durante o Carnaval, além das polícias Militar e Civil e do Corpo de Bombeiros, representantes de outras 40 instituições públicas e privadas realizarão um trabalho conjunto de monitoramento dos circuitos e áreas adjacentes com circulação de foliões.
O secretário de Segurança Pública, Maurício Barbosa, destaca também o reforço de vídeo-monitoramento nos portais de segurança montados nos principais acessos dos circuitos. ““Neste Carnaval teremos monitoramento nos 46 portais de segurança, agentes portando tablets e smartphones para também repassar imagens ao Centro de Operações, além do apoio de imagens áreas, feitas de helicóptero. Tudo isso permite que tenhamos ainda mais controle da estratégia de segurança, fazendo as correções devidas no operacional, quando e se necessário”, disse o titular da SSP.
Polícia e Comunidade
O comandante-geral da Polícia Militar da Bahia, coronel Anselmo Brandão, lembra que embora haja toda a estrutura da polícia, os foliões também podem contribuir para uma festa mais segura. “Ficar atento ao que levar para rua é uma forma de prevenção, por exemplo. Quero ressaltar ainda a importância do casamento entre a polícia e a comunidade. Cada vez mais estamos reforçando um policiamento cidadão, queremos que a população nos reconheça como companheiros, amigos. Os policiais estão nas ruas para nos proteger, e a nossa campanha deste ano trata desse entrosamento que fortalece ambos os lados”, destacou o comandante.
Interior
Além da capital, o planejamento contempla 31 cidades do interior baiano que terão eventos de Carnaval. Ilhéus, Itabuna, Porto Seguro, Itacaré e Valença estão entre as cidades com segurança reforçada neste período.

0 comentários:

Postar um comentário