quinta-feira, 9 de março de 2017

Adustina:Promotor de Justiça Gildásio Rizério Amorim,Realiza Palestra,no Auditório da Prefeitura Municipal de Adustina

Adustina:Promotor de Justiça Gildásio Rizério Amorim,Realiza Palestra,no Auditório da Prefeitura Municipal de Adustina


Na tarde de hoje(09)A Secretaria do municipio,atravésda pessoa da secretaria, Maria de Fátima loula,convidou o promotor de Justiça da Comarca de Paripiranga ,para fazer uma palestra para os alunos e pais,de diversas escolas do município,fizeram parte da mesa,Chamados pelo Professor Robério, orador da Palestra,a secretaria de educação Fátima Loula,a advogada Drª Kátia,a Nutricionista do Município, Carol,e o Presidente do Conselho Tutela Giclei Dias,Dr.Gildasio,fazendo uso da palavra,apresentou (03)tres aparelhos de Celulares,para premiar o aluno que fizer as( 03 )tres melhores Redações,e relembrou o trabalho que foi feito em Adustina e Paripiranga,desde de 1996,quando chegou em Paripiranga,observou que varias crianças estavam sem estudar,tratou de logo intimar os pais e diretores de escolas ,tanto em Paripiranga quanto em Adustina,realizou e solicitou cadastro de crianças matriculadas,de logo, percebeu que em Paripiranga um municipio com uma população estimada em 28.000 hab.somente estavam matriculados cerca de 1900 alunos ,menos de vinte por cento(20%)de logo comecei a intimar e prender os país que não estavam colocando seus filhos na escola,o resultado foi muito bom,e também foi matéria do Fantástico,e vários jornais de vários estados,o Prefeito de Paripiranga na epoca era José Menezes,se reuniu com nove vereadores do PTB, dos treze(13)e pediram para as diretoras das escolas fazer abaixo assinado ,para mim tirar de paripiranga,foram 6.000 assinaturas,e levaram para o Governador ,Paulo Souto,não receberam um boa noticia,audiência foi negativa,o governador,disse que não poderia ser contra de quem era a favor da Educação.e ainda disse que a Faculdade ages existe graças as açoes do Promotor em Paripiranga,que com o carecimento de alunos ,o então secretario de José Menezes,Wilson,usou os dados de censo escolar para conseguir que a escola ages ,recebesse o registro do MEC de Faculdade AGES,e assim conseguiu,(03)três cursos,e hoje são (18)dezoito Cursos," as pessoas se quiser consegue ser o que quiser,eu Gildásio,fui menino de Rua,fui preso,usei Droga,e hoje sou Promotor de Justiça,quem quiser pesquisar no google,está toda a minha Biografia:"o assunto mais abordado foi as Drogas,e Educação está dentro de nossas casas,estavam presentes Diretores de escolas,Professores,e alunos.muitos País que chegaram com medo das broncas do Promotor,saíram satisfeito com a palestra que assistiram.o Promotor também saiu do auditório,com uma boa visão do município de Adustina,por valorizar seu trabalho,palestrou para mais de 500 pessoas.














0 comentários:

Postar um comentário