quinta-feira, 25 de maio de 2017

Adustina-BA:Promotor de Justiça de Paripiranga, palestra para alunos, sobre a evasão escolar, drogas, e suas consequencias.


 Promotor de Justiça de Paripiranga, Dr. Gildásio Rizério de Amorim, palestrou na tarde de ontem(24) quarta-feira, no auditório da prefeitura municipal de Adustina.   A imagem pode conter: 1 pessoa, em pé, sapatos e área interna



 Promotor de Justiça de Paripiranga, Dr. Gildásio Rizério de Amorim, palestrou na tarde de ontem(24) quarta-feira, no auditório da prefeitura municipal de Adustina,  para os alunos das escolas da sede do município de Adustina.A imagem pode conter: 7 pessoas, multidão

O aluno falta à escola uma vez, duas, três. A baixa frequência vai se intensificando, até que as ausências levam à reprovação, configurando abandono escolar. No ano letivo seguinte, o estudante está tão desmotivado que sequer faz a matrícula ­ aí se dá a evasão. Deixar de frequentar uma instituição de ensino e renunciar ao direito à educação é uma decisão que traz graves consequências futuras, como salários mais baixos e maior dependência de programas governamentais, apontou o  promotor de justiça da comarca  de Paripiranga Dr. Gildásio Rizério de Amorim.
Drogas, Causas, Conseqüências e Depoimentos.
Drogas

Introdução
"É mais fácil comprar drogas perto da escola do que comprar pão." O depoimento foi ouvido de alunos de escolas brasileiras por pesquisadores da Unesco.TIPOS DE DROGAS Como nenhuma base isolada para classificação de drogas psicotrópicas é satisfatória, autoridades diferentes tendem a oferecer uma variedade de esquemas híbridos, em geral incompatíveis, prestando-se indubitavelmente a alguma confusão.
A classificação seguinte está baseada nas sugestões da Organização Mundial de Saúde em 1967; embora não seja perfeita, fornece uma base útil para o material apresentado posteriormente.
Sedativos Ansiolíticos
Sinônimos: hipnóticos, sedativos, tranqüilizantes menores.
Definições: drogas que causam sono e reduzem a ansiedade.
Exemplos: barbitúricos, benzoadiazepínicos e etanol.


Drogas Antipsicóticas
Sinônimos: drogas neurolépticas (drogas antiesquizofrênias que são eficazes no alívio dos sintomas da doença esquizofrênica).
Exemplos: fenotiazinas e butirofenomas.


Drogas Antidepressivas
Sinônimos: timolépticos.
Definição: drogas que aliviam os sintomas da doença depressiva.
Exemplos: inibidores da monoamina-oxidase, antidepressivos tricíclicos.


Estimulantes Psicomotores
Sinônimos: psicoestimulantes.
Definições: drogas que causam vigília e euforia.
Exemplos: anfetamina, cocaína e cafeína.


Drogas Alucinógenas
Sinônimos: drogas psicodrópicas sépticas, agentes psicomotores.
Definições: drogas que causam distúrbio da percepção e do comportamento de maneira que não seja simplesmente caracterizado como efeitos sedativos.
Exemplos: dietilamida do ácido lisérgico, mescalina e feniciclidina.


ÁLCOOL.
O álcool é uma das drogas mais conhecidas e talvez a mais popular juntamente com o cigarro, apesar de muitas vezes não ser reconhecida como tal. Teve sua descoberta, provavelmente, na pré-história sob a forma de sucos de frutas fermentados naturalmente, como o vinho por exemplo. Também causa dependência. A diferença é que, ao contrário do fumo, o álcool só se torna danoso quando consumido em excesso, e prejudica apenas o alcoólatra. Logicamente, as pessoas que convivem com um alcoólatra sofrem indiretamente com os efeitos do vício, mas não com a droga propriamente dita. Os males causados pelo vício não são menos significativos que os do fumo. A organização mundial de saúde considera o alcoolismo como uma das doenças que mais matam no mundo.
www.adustinaadsa.com

0 comentários:

Postar um comentário