sábado, 27 de maio de 2017

Salvador: edição 2017 do Forró Solidário garante recursos para ampliação do Aristides Maltez

Salvador: edição 2017 do Forró Solidário garante recursos para ampliação do Aristides Maltez

Cenas da edição 2017 do Forró Solidário das Voluntárias Sociais da Bahia em prol do Hospital Aristides Maltez.
Cenas da edição 2017 do Forró Solidário das Voluntárias Sociais da Bahia em prol do Hospital Aristides Maltez.
O compasso da zabumba garantiu a arrecadação de recursos para a ampliação do Hospital Aristides Maltez, que vai ganhar uma nova torre, com 16 leitos de internação, dez de UTI e duas salas cirúrgicas. O show de Bell Marques e do forrozeiro Flávio José durante o segundo Forró Solidário, promovido pelas Voluntárias Sociais na Pupileira, em Salvador, nesta sexta-feira (26/05/2017), contou com a presença do governador Rui Costa, da primeria-dama e presidente das Voluntárias Sociais da Bahia, Aline Peixoto, e de muita gente que encheu o salão de dança, alegria e solidariedade.
O governador Rui Costa destacou que Forró Solidário é um exemplo da nova filosofia de trabalho que vem sendo adotada pelas Voluntárias Sociais, sob o comando da primeira-dama, Aline Peixoto, de reforçar o foco na mobilização da sociedade para contribuir com os segmentos mais vulneráveis. “As Voluntárias Sociais estão reproduzindo o nosso conceito de que ninguém está fazendo nada sozinho. Por onde eu passo, eu incentivo muito que todos dediquem um tempo a visitar escolas, hospitais, orfanatos, isso tudo ajuda a compor uma sociedade mais humana, mais solidária”.
Rui afirmou que a principal importância do evento é justamente o fato de cada um que participa poder prestar apoio ao Hospital Aristides Maltez. “O Estado tem o seu papel, mas essa decisão do cidadão, do voluntariado, isso marca o coração daqueles que tanto precisam do tratamento desta doença complicada como é o câncer”. Segundo o governador, além do tratamento, as pessoas doentes precisam também de carinho, afeto e amor. “Assim vamos ter um Estado melhor, instituições mais fortes e vamos ajudar quem mais precisa”.
Palavra de artista
O forrozeiro Flávio José reforça a ideia de que é necessário ajudar o próximo. “Temos que pensar não só na gente, mas também naquelas pessoas que precisam dessa força. Eu estou muito honrado de ter sido lembrado para participar desse evento. Eu acredito que a sociedade se mobilizando vai ajudar e contribuir com muita coisa. Um amigo chama outro, que chama o vizinho, que influencia mais alguém e a gente atinge o resultado que a gente mais sonha, que é ajudar. Que me chamem sempre, que eu gosto de fazer este tipo de coisa”.

0 comentários:

Postar um comentário