sábado, 24 de junho de 2017

Deputado Federal e presidente estadual do PSDB João Gualberto é vaiado na abertura do São João de Valente (veja o vídeo)


sexta-feira, 23 de junho de 2017 10:29

Deputado Federal e presidente estadual do PSDB João Gualberto é vaiado na abertura do São João de Valente (veja o vídeo)

Na região já ocorreu vaia em Riachão, Cicero Dantas, Uauá para João Bacelar, Mario Negromonte Jr e José Nunes respectivamente

Deputado federal que pegar em microfone em público, e quando ele apareceu na lista que votou contra a reforma trabalhista e tende a votar a favor da Reforma da Previdência, tem se dado mal perante o público. Foi assim com João Bacelar em Riachão do Jacuípe que não conseguiu falar durante a inauguração da estrada, foi assim em Cicero Dantas com Mário Negromonte Junior e José Nunes durante o Festival do Umbu, em Uauá
Essas situações foram publicadas aqui no Calila e o caso mais recente na noite de quinta-feira, 22, durante a abertura do São João de Valente, o locutor passou o microfone para o prefeito Marcos Adriano para abrir oficialmente a festa, estava previsto apenas a fala do gestor, mas não se sabe quem teve a ideia de colocar também os deputados para falar, primeiro falou o deputado estadual Tom Araújo que fez um breve discurso e foi poupado das vaias, mas quando chamou o deputado federal João Gualberto e presidente estadual do PSDB a vaia “comeu” no centro e ele para minimizar, disse que o povo queria era festa, era curtir Limão com Mel e não para ouvir politico.
João Gualberto, o segundo com maior votação em Valente, na eleição de 2014, quando obteve 2.758 votos. Os aliados do prefeito Marcos Adriano (PSDB), que ocupavam o palco aplaudiram o Tucano, mas o publico permaneceu vaiando e logo começou a circular pelas redes sociais um vídeo.https://www.facebook.com/raimundo.mascarenhas.35/videos/825286640972872/
O governador Rui Costa (PT), tem interferido quando começa uma vaia em protesto aos deputados que fazem parte da sua base no estado, porém divergem na esfera nacional, ao tomar o microfone e dizer que sua presença no palanque é pelo fato de ter sido convidado pelo prefeito local ou pelo próprio governador.
Na opinião do governador, isso acontece muitas vezes por disputas locais em militantes defensores dos parlamentares, conforme aconteceu no dia 16 em Quijingue, quando num ato de ordem de serviço para inicio das obras da estrada que liga a sede daquele município a BR 116/Norte, ensaiaram mais uma vaia para o deputado José Nunes, o mais votado na eleição de 2014 com 4.909 votos.
Redação CN



0 comentários:

Postar um comentário