terça-feira, 26 de setembro de 2017

ESTUDANTE DE ADUSTINA NO PARLAMENTO JOVEM

segunda-feira, 25 de setembro de 2017

ESTUDANTE DE ADUSTINA NO PARLAMENTO JOVEM

www.adustinaadsa.com/Reprodução:blog Joilson Costa

A criação de um projeto sobre a gestão democrática na escola está levando o estudante Admilson dos Santos Boaventura, 18, 2º ano, do Colégio Estadual Castro Alves, em Adustina, no nordeste do estado, a ter conquistas significativas. O estudante, que é filho de agricultora familiar e morador da zona rural, está em Brasília, no Distrito Federal, onde toma posse, na terça-feira (26), no Parlamento Jovem Brasileiro (PJB) 2017. Pelo projeto, o jovem também conquistou vaga no Parlamento Juvenil do Mercosul (PJM), representando a Bahia, e já está de viagem marcada para o Uruguai, onde ficará de 6 a 9 de outubro.

Pelo Parlamento Jovem Brasileiro, ele vai vivenciar, durante esta semana, a rotina parlamentar na Câmara dos Deputados, trocando experiência com outros 77 jovens do Ensino Médio de todo o país e defendendo seu projeto, que aborda a importância da representatividade para uma gestão democrática na escola. Admilson fala sobre este momento especial. 
“Já estamos no Congresso hoje. Participamos de algumas palestras e dinâmicas de integração. Minha expectativa para esta semana é que seja muito produtiva. Quero aproveitar da melhor maneira a oportunidade, me aperfeiçoar mais nos conhecimentos sobre o processo legislativo, política, conhecer novos pensamentos políticos com os outros estudantes e apresentar meu projeto para todos”, afirma.

Admilson também já está na expectativa da sua primeira viagem internacional pelo Parlamento Jovem Mercosul. Na jornada do Mercosul, ele par­ti­ci­pará de dis­cus­sões e con­tri­buições para a ela­boração da De­cla­ração do Par­la­mento Ju­venil, do­cu­mento pro­du­zido pelo co­le­tivo do PJM, for­mado pelos par­la­men­tares ju­venis de todos os países-mem­bros e as­so­ci­ados.
“Será muito importante participar de um evento internacional. Fui escolhido para ser o relator da viagem. Estou muito feliz e motivado, porque meu trabalho está sendo reconhecido. Quero entrar em contato com outras culturas sul-americanas, conhecer as estratégias de educação deles e fazer amizades”, conta o estudante.  Da SECOM Bahia.

0 comentários:

Postar um comentário