domingo, 3 de setembro de 2017

Expojacuípe revela a diversidade e as novas perspectivas para a agricultura familiar

agricultura

domingo, 03 de setembro de 2017 12:43

Expojacuípe revela a diversidade e as novas perspectivas para a agricultura familiar

A cachaça de Abaíra, os artigos de couro da Cooperativa de Tracupá em Tucano, os produtos do Licuri da Cooperativa de Produtores da Diamantina se somaram aos produtos da Bacia do Jacuípe. 
Expojacuípe revela a diversidade e as novas perspectivas para a agricultura familiar
A Escola Família Agrícola de Pintadas foi palco da primeira edição da feira Expositiva de Agricultura Familiar e Economia Solidária do Território Bacia do Jacuípe (Expojacuípe), realizada nos dias 01 e 02, pela COOAP (Cooperativa Agroindustrial de Pintadas). O evento reuniu a diversidade da produção regional, além de promover debates e oficinas de orientação técnica na perspectiva do fortalecimento do desenvolvimento sustentável.
As atividades foram prestigiadas pela comunidade local e visitantes de diversas partes da Bahia, estudantes, representantes do Governo do Estado e lideranças políticas como a deputada estadual Neusa Cadore, o deputado federal Robinson Almeida e o secretário de Desenvolvimento Rural (SDR), Jerônimo Rodrigues.
Expojacuípe revela a diversidade e as novas perspectivas para a agricultura familiar
A deputada Neusa destacou a caminhada territorial que permitiu a construção de diversas experiências, a importância da parceria das organizações e a inclusão de novos atores jovens no processo. “É muito bom a gente ver aqui na Expojacuípe a participação da juventude, reflexo das políticas de acesso às universidades, que tem permitido que muita gente volte para os municípios oferecendo não apenas seu compromisso, mas sua competência técnica para ajudar no processo de desenvolvimento”. Durante o evento, a parlamentar também foi homenageada pela sua luta em defesa das políticas para o campo.
Deputada Neusa Cadore
SISBI – Durante o evento, a Frigbahia (Cooperativa Regional de Alimentos) recebeu o selo do Sistema Brasileiro de Inspeção (Sisbi), pela Agência de Defesa Agropecuária (Adab) que vai permitir a comercialização para todo o país. “Essa certificação vem garantir a segurança alimentar dos produtos, que vai possibilitar o maior escoamento da nossa produção e gerar mais renda para o município e o Território”, afirmou Marluce Sampaio, médica veterinária da cooperativa.
A informação é reforçada pelo presidente da Cooperativa Agroindustrial de Pintadas (Cooap), Gerinelson Gonçalves. “A expectativa é grande, hoje abatemos cerca de 600 animais por mês. O selo vai possibilitar que as cooperativas parceiras tripliquem o fornecimento de matéria-prima e a garantia de compra faz que o produtor produza mais”.
Exposição e comercialização de produtos
A cachaça de Abaíra, os artigos de couro da Cooperativa de Tracupá em Tucano, os produtos do Licuri da Cooperativa de Produtores da Diamantina se somaram aos produtos da Bacia do Jacuípe.  No estande da cooperativa Ser do Sertão, os destaques foram as polpas de frutas beneficiadas pelo grupo de mulheres, que também já podem alcançar todo o mercado nacional.
Já na exposição de animais, a experiência do agricultor familiar de Riachão do Jacuípe, Eduardo Emídio, chamou a atenção pelo modelo de sustentabilidade que tem sido adotado na propriedade e os resultados alcançados. “Trabalhamos com caprino de leite, de corte, bovinocultura, horta, frutas e desenvolvimento um trabalho bastante significativo, retirando da propriedade 90% dos alimentos dos animais e 100% da renda da família, de cerca de R$ 6 mil reais por mês. “Esse evento é importante pra fortalecer as nossas cadeias produtivas e a feira deve ser disseminada para outras cidades do Território para dar oportunidade aos produtores de mostrar a nossa força”.
O evento teve o apoio da Rede Pintadas, do Colegiado de Desenvolvimento Territorial (Codeter), Consórcio Jacuípe, Sicoob Sertão, União Nacional das Cooperativas de Agricultura Familiar e Economia Solidária (Unicafes), Secretaria de Desenvolvimento Territorial, dentre outras instituições.
Ascom Neusa Cadore – Por Lourivânia Soares

0 comentários:

Postar um comentário