sexta-feira, 2 de março de 2018

Governo do Maranhão aumenta salário de professores para R$ 5.750

Governo do Maranhão aumenta salário de professores para R$ 5.750

''Acreditamos que esse grande investimento é fundamental para desenvolver o nosso Estado'', disse Flávio Dino (PCdoB), governador do Maranhão
Publicado em 01/03/2018, às 08h10
Desde 2015, os professores do Maranhão tiveram reajuste salarial de 30,35% / Foto: Divulgação
Desde 2015, os professores do Maranhão tiveram reajuste salarial de 30,35%
Foto: Divulgação
JC Online com informações da EBC

O governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB), anunciou na última terça-feira (27), que o salário dos professores que trabalham 40 horas semanais, passou para R$ 5.750,00.
Segundo a medida aprovada pelo governador, o professor no início da carreira, com 20 horas semanais também terá um aumento, receberá cerca de R$ 2.875,41.

 
“Com a medida que editei ontem, o salário inicial do professor de 40h no Maranhão passará para R$ 5.750,00. Acreditamos que esse grande investimento é fundamental para desenvolver o nosso Estado.”

Repercussão 

Aumento salarial

Desde 2015, os professores do Maranhão tiveram reajuste salarial de 30,35%, acima da inflação do período medida pelo IPCA (índice oficial), de 21,46%. Isso significa que os professores tiveram um significativo aumento real, ou seja, elevaram o poder de compra diante da inflação. São 31 mil professores beneficiados com o reajuste.
Segundo dados do Inep, os professores da educação básica da rede pública (federal, estadual e municipal) ganhavam, em média, um salário de R$ 3,3 mil em 2014. O menor salário dos professores da rede estadual é do estado do Mato Grosso, com R$ 1.996. Já o estado do Pará é onde tem a maior renumeração do país, com R$ 10.083. Pernambuco fica abaixo da média padronizada, pagando os professores cerca de R$2.520.
“Nenhum outro estado concedeu reajuste a todos os seus educadores em 2018”, diz o secretário de Estado da Educação, Felipe Camarão.



0 comentários:

Postar um comentário