quarta-feira, 18 de abril de 2018

Ribeira do Pombal: Primeiro caso confirmado de H1N1 em 2018



Veja os sintomas e saiba como diferenciar gripe comum, H1N1 e virose #diariodonordeste
Veja os sintomas e saiba como diferenciar gripe comum, H1N1 e virose #diariodonordeste
Nenhum texto alternativo automático disponível.
Nenhum texto alternativo automático disponível.A imagem pode conter: texto
A imagem pode conter: texto

Ribeira do Pombal: Primeiro caso confirmado de H1N1 em 2018



A Secretaria de Saúde de Ribeira do Pombal/BA confirmou nesta quarta-feira (18/04) o primeiro caso de infecção pelo vírus H1N1 na cidade. Uma criança de 3 anos de idade, natural do munícipio de Heliópolis/BA, apresentou sintomas da chamada influenza tipo A e foi internada no Hospital Geral Santa Tereza (HGST). Por questões de privacidade, a pasta não informou o nome da criança.
Ainda segundo a Secretaria de Saúde, a criança estava com todas as vacinas em dias.
De acordo com o Ministério da Saúde, os principais grupos de risco da gripe H1N1 são grávidas, crianças, idosos e doentes crônicos.
A campanha de vacinação começa na próxima segunda-feira (23/04). Devem se vacinar idosos acima de 60 anos, crianças com mais de 6 meses e menores de 5 anos, gestantes, mulheres até 45 dias após o parto, trabalhadores de saúde, povos indígenas, portadores de doenças crônicas e professores da rede pública e particular.

Tira-dúvidas
O que fazer para diminuir o risco de contaminação?
A primeira coisa a ser feita é lavar as mãos, evitar tocar nariz, olhos e boca, usar lenços descartáveis para espirrar e tossir e evitar locais aglomerados.
O uso de máscaras ajuda?
Isso é para quem está doente. A máscara evita a disseminação do vírus a partir de uma pessoa que está tossindo e espirrando.
Quando procurar o médico?
O paciente que tiver sintomas de gripe e febre alta deve procurar assistência médica nas primeiras 24 horas. Os antivirais são recomendados somente nas primeiras 48 horas.
Qual a diferença da gripe comum para a H1N1?
A influenza é comumente conhecida como gripe. Trata-se de uma doença viral febril, aguda, geralmente benigna e autolimitada. Já o vírus H1N1 é responsável por epidemias sazonais. O H1N1 é uma doença respiratória dos porcos e leva a desdobramentos graves.
Há grupos de risco?
Algumas pessoas, como idosos, crianças, gestantes e pessoas com alguma comorbidade possuem um risco maior de desenvolver complicações. A melhor maneira se prevenir contra a influenza sazonal é se vacinar todo ano.
publicidade
por Rádio Povo Ribeira do Pombal
Deixe seu comentário

0 comentários:

Postar um comentário