terça-feira, 1 de maio de 2018

R$ 449.027,93; COTA DO FUNDEB NESTA QUARTA-FEIRA

segunda-feira, 30 de abril de 2018

Adustina receberá  COTA DO FUNDEB NESTA QUARTA-FEIRA


Segundo o site do Banco do Brasil, são estes os valores que vão estar na conta das prefeituras da região, conta FUNDEB,  referente a complemento da União e Ajuste do Fundeb 2017, entre outros repasse constitucionais para educação dos municípios que fazem parte do fundo em questão: Ribeira do Pombal R$ 1.641.189,65; Ribeira do Amparo R$ 537.939,48; Banzaê R$ 429.805,29; Cícero Dantas R$ 723.776,66; Cipó R$ 564.837,64; Heliópolis R$ 441.884,95; Nova Soure R$ 957.571,38; Adustina R$ 449.027,93; Euclides da Cunha R$ 2.100.561,60; Olindina R$ 875.317,64; Itapicuru R$ 1.198.875,67; Inhambupe R$ 1.161.265,31; Paripiranga R$ 806.369,93; Jeremoabo R$ 1.362.134,97; Quijingue R$ 1.000.967,35; Antas R$ 411.700,71; Sítio do Quinto R$ 404.444,55; Fátima R$  570.948,40; Monte Santo R$ 1.978.708,25; Tucano R$ 1.830.968,71; Coronel João Sá R$ 931.863,10; Novo Trunfo R$ 372.918,79; Santa Brígida R$ 562.332,50; Glória R$ 493.461,13; Paulo Afonso R$ 2.747.646,74. Pesquisa do Joilson Costa, Rádio Pombal FM. 

Já na conta das prefeituras o ajuste anual do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb) do exercício de 2017. Os valores foram publicados no Diário Oficial da União (DOU) de sexta-feira, 27 de abril 2018, por meio da Portaria 385/2018.

O ajuste é a diferença entre os valores da receita estimada do Fundo e da receita efetivamente arrecadada ano anterior. Em 2017, por exemplo, a receita realizada foi de R$ 146,3 bilhões, valor 3,5% maior do que havia sido estimado. Em consequência, o valor mínimo nacional por aluno/ano dos anos iniciais do ensino fundamental urbano, anteriormente estimado em R$ 2.926,56, chegou a R$ 3.045,99, equivalente a 4,08% a mais. 
Veja valores municípios do Estado da Bahia:http://www.cnm.org.br/cms/images/stories/comunicacao_novo /27042018_Ajuste_FUNDEB_2017_BA.pdf  Do site CNM

0 comentários:

Postar um comentário