sexta-feira, 11 de janeiro de 2019

Diretor de escola que comprovar horário compatível ficará no cargo

Bahia

Diretor de escola que comprovar horário compatível ficará no cargo

Uma lista com os nomes dos educadores será apresentada ao governador Rui Costa até a próxima semana, na quarta-feira (16), quando será analisado cada caso

[Diretor de escola que comprovar horário compatível ficará no cargo]
Foto : Getúlio Lefundes/APLB
Por Matheus Simoni no dia 11 de Janeiro de 2019 ⋅ 13:46
Após reunião hoje (11) com a Secretaria de Relações Institucionais, o Sindicato dos Trabalhadores em Educação do Estado da Bahia confirmou que ficou estabelecido que o diretor de escola que comprovar compatibilidade de horário irá permanecer no cargo. Uma lista com os nomes dos educadores será apresentada ao governador Rui Costa até a próxima semana, na quarta-feira (16), quando será analisado cada caso. Aqueles que comprovarem a compatibilidade de horário permanecerão nos cargos.
A categoria realizou uma série de manifestações ao longo da semana e chegou a cogitar lançar um pedido de exoneração coletiva para protestar contra a Lei n° 14032 de 18 de dezembro de 2018, que determina dedicação exclusiva para os profissionais dos colégios do Estado. O ato comprometeria o processo de matrícula e o início do ano letivo.
A reunião aconteceu na Governadoria, onde foi realizada uma reunião entre a direção da APLB-Sindicato representada pelo coordenador-geral, o professor Rui Oliveira e o diretor de Imprensa Claudemir  Nonato, além de membros da Comissão extraída do Fórum de Gestores,  e Cibele Carvalho, secretária de Relações Institucionais do Estado (Serin), quando então foi firmado este compromisso. 
Na próxima terça-feira (15), às 14h, os diretores e vice-diretores de escola da rede estadual terão um encontro com a direção da APLB-Sindicato, no auditório da entidade para esclarecer dúvidas e tratar de outros assuntos. 

0 comentários:

Postar um comentário